Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

a alma da flor

a alma da flor

Tenho dúvidas...

10.04.08 | DyDa/Flordeliz
Ou a semana tem sido dura de trabalho. Ou eu decididamente estou mesmo velha!
 
Dói-me a cabeça. O cérebro a esta hora já se recusa a pensar. Sinto uma necessidade urgente de fugir do barulho desta sala e destes computadores chatos (quando me sinto mais cansada, parece que o som é muito mais alto).
Claro que gente "normal" já não está a trabalhar a esta hora, mas... (tem de haver sempre mas, pois fica bem!)  à imensos anos que deixei de o ser! E também é tarde para "a recuperação" de algum bom senso (e mais importante ainda...não me apetece!).
 
No entanto se o físico reclama é porque deve ter alguma razão e como tal deixarei "o raio" da cadeira (até essa hoje parece reclamar o meu peso) e não pára de chiar.
 
Após este desabafo...
 
Mais um! De tantos...Que já fiz. E outros tantos que gostaria de poder fazer!
 
Como se isso me fizesse passar: a telha; o cansaço; ou o mau estar?!
 
Quase me esquecia de repetir o que um dia alguém me disse e hoje vou colocar em prática:
- Menina os papéis não azedam. Amanhã estão lá todos na mesma!
 
Isso é uma verdade única:
- Os dias no calendário é que... não param (temos pena)!

Imagem retirada da Internet

Afinal até o relógio se engana, pois já passa da meia noite

2 comentários

Comentar post