Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

a alma da flor

a alma da flor

Cada dia as anedotas têm menos piada...

04.05.12 | DyDa/Flordeliz

Do trabalhador ao político...

Do advogado ao juiz...

Do polícia ao ladrão...

Do dirigente ao jogador...

Do treinador ao comentador…

Do paciente ao doutor...

Da realidade ao talk show

 

- O nosso país é uma anedota em que a vontade de rir deixa muito a desejar.

 

Consulta de ortopedia marcada pela médica de família no hospital público.

Entro, cumprimento um Ser com má cara.{#emotions_dlg.snob}

Exponho os exames que tenho em meu poder e fui recebendo em troca uns grunhidos (tipo roncos de azia).

Aguentei o primeiro embate...

Aguentei o segundo...

Ao terceiro, olhei-o de frente e perguntei delicadamente:

- Desculpe doutor, por acaso está zangado comigo, ou fiz algo que o aborrecesse????{#emotions_dlg.serious}

 

{#emotions_dlg.amazed}SURPRESA!!!{#emotions_dlg.amazed}

 (Parece ter descido à terra)

- Não, consigo não{#emotions_dlg.blushed}.

  Mas é que tenho 26 doentes (abanando uma folha A4) em lista e ainda os curativos...

- OK! Desculpe ter perguntado, pensei que a culpa fosse minha.

- Boa tarde e até....

ESPERO QUE SEJA NUNCA!{#emotions_dlg.brrrpt}

 

Dizem que temos o país e as pessoas que merecemos.

 

Não conhecia este médico, mas acredito que mereço ser atendida com cortesia e profissionalismo. Afinal, pago mensalmente para que ele desempenhe o cargo que ocupa no hospital. Não tenho culpa se está com mais trabalho e menos regalias.

Eu também não ganho o mesmo que o ano passado e nem por isso atendo os meus clientes como se fossem eles os culpados (mesmo sendo!).

 

10 comentários

Comentar post