Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

a alma da flor

a alma da flor

Eu não sou uma flor...

01.04.10 | DyDa/Flordeliz

                                                                  Só a imagem e a vontade é da flordeliz


Hoje estou pequena demais.
Cansa-me a casa, o quarto, a rudeza do dia.
Tudo é vidro estilhaçado junto à janela.
Pesa-me a alma.

Pesa-me tanto que me torno impossível de um ato de carinho.
Não quero mais esse rosto de tantos anos.
Também não quero a maturidade de quem já sabe o que fazer com quadros antigos.

Quero a criança que fui tão constrangida.
Quero o colo de minha mãe para deitar-me como a primeira vez.
Quero a leveza das coisas pra poder respirar e pular as janelas, inclusive as que dão aos abismos.

Eu não sou uma flor.
Sou uma mulher com muitos espinhos.

Jeanne Araújo

6 comentários

Comentar post