Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

a alma da flor

a alma da flor

Mais uma vez: Sá Pinto e as cenas de pugilato!

21.01.10 | DyDa/Flordeliz

Fiquei surpreendida quando Sá Pinto assumiu o cargo de director desportivo no Sporting. Não me parecia a pessoa certa ou com o perfil indicado para a tarefa. Sempre que a TV o focava nos jogos me fazia recordar a triste cena de pugilismo com o então seleccionador nacional Artur Jorge e Rui Águas e que o levou entre 1997 e 1998 a ficar impossibilitado de jogar.

Era um jogador que eu admirava dentro das quatro linhas. Fiquei com pena na época que tivesse estragado a carreira sendo ainda muito jovem e numa fase boa da carreira em que parecia estar a sair-se bem, não percebi bem a reacção (se é que se tem de perceber ou desculpar alguém que se desloca propositadamente a um campo para dar uma tareia?!...).

Portanto a noticiaSá Pinto e Liedson agridem-se no balneárioacabou por não me deixar espantada.

Quem tem sangue quente, quem reage na base do tira teimas e da “lambada” mais dia, menos dia o seu feitio explosivo acaba por o trair. Já deve ser difícil controlar os nervos durante os 90 minutos ainda aguentar a pressão da massa associativa para depois dar uma imagem aos colegas daquilo que nunca conseguiu ser – apaziguador.

 

P.S.: Liedson alvo de processo disciplinar 

Pensavas que ias passar  de "levezinho"?...

Se tens culpa no cartório, toma lá castigo, para aprenderes que futebol é desporto não um campo de batalha.

2 comentários

  • Imagem de perfil

    DyDa/Flordeliz

    26.01.10

    Dos jogos de bastidores eu não sei nada.
    Ainda não faço "escutas".
    Limitei-me a apontar a forma para o ajuste de contas que não me pareceu ser o mais acertado e digno.
    É a tua opinião e eu respeito-a, até porque saberás coisas que a mim nem me passam pela cabeça.
    Beijinho
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.