Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

a alma da flor

a alma da flor

A voar ao sabor do vento!

07.06.09 | DyDa/Flordeliz

 

Deixa que outros também possam falar
E não tentes descobrir o que querem dizer
Deixa que eu também possa argumentar
Não é um direito que me devas tirar
 
E se calo o meu grito
Nunca vais compreender
O que tentava dizer
O que estava a sentir…
 
E se não concordares
Podemos conversar
Mas não é por me calares
Que deixo de pensar...

 

De ideias e vontades eu nunca casei
Não devo promessas
Porque nunca as assinei…

 
Vou lutar por elas enquanto puder
A vontade prevaleça
Ou enquanto eu quiser!


8 comentários

Comentar post