a alma da flor
08
Dez 10

Todos os anos esqueces o dia em que nasci.

 

Já deixei de ficar triste.

Embora ainda acalente a esperança de que alguém se lembre de to recordar.

 

- A idade faz destas coisas, eu sei!

 

Também sei, que não sou a tua prioridade em preocupação. Outros, ocupam o lugar que deveria ser de paz. 

Sei ainda, que fazes muito mais do que na tua idade deveria ser exigido.

 

Foi declarado que hoje é dia das mães.

Não ligo muito a imposições, no entanto, apetece-me partilhar a mesma rosa que me ofereceram nos meus anos.

 

É a minha forma de me lembrar de ti, sentindo que te lembraste desta vez, também de mim.

 

Amo o teu olhar apaziguador. Gosto da tua mão que treme sobre a minha e da garra com que encaras a vida. A tua, e a de quem te rodeia.

 

Mãe gostava de ter a tua força e a tua coragem, na tua infinita simplicidade mas grande sabedoria de mulher.

 

publicado por DyDa/Flordeliz às 02:29
Olá Flor, nem sei que dizer tocou-me tão fundo, tão tristemente que fiquei sem palavras. Como é possível? Sendo que tanta coisa que não devia acontecer destas acontece. Um beijinho. Bom feriado.
omeueudepapel a 8 de Dezembro de 2010 às 11:14
Muito bonito e enternecedor...

Bjinhos
onda_azul a 8 de Dezembro de 2010 às 17:43
Que bela homenagem. :)

Beijinhos
Joana a 8 de Dezembro de 2010 às 23:21
Mudaram Flor!!!
Tudo muda. Até o dia da Mãe.
Só não muda este sentimento que dói por já não a ter. Por já não ver o seu olhar cansado de tantos anos de vida mas que se animava quando os netos lhe entravam em casa.
De já não ouvir a sua voz dizer - Sosseguem um pouco filhos, vocês cansam a vossa mãe, sem já se lembrar que os seus filhos também a tinham cansado.
Mudaram o dia da Mãe, Flor.
Mas para mim continua a ser a 8 de Dezembro.
Pelos vistos para ti também.
Um grande abraço.
rodrigando a 9 de Dezembro de 2010 às 00:27
Simplesmente Lindo e Sentido !
Rotiv a 9 de Dezembro de 2010 às 01:55
No coração de uma mãe parecem apagar-se todos os dias em que se comemoram aniversários ou outras datas que gostaríamos que lembrassem, porque no coração delas não há horas, datas ou dias, o tempo deixa de existir porque não concebem que o amor que têm por uma filha seja medido, ele está sempre presente e gravado num coração sem calendário.
O amor que sente por ti é demonstrado em cada momento e ela sabe que é recíproco o que sentes por ela, basta ler a bela declaração de amor que lhe deixaste aqui,

Beijos
Manu
Existe um Olhar a 9 de Dezembro de 2010 às 10:49
Olá Flor desculpa não comentar no teu outro blog mas não "me deixa" abre-me uma página da La redoute que deve ter a ver com o contador de visitas porque por vezes tb me acontece. Olha eu hoje fiz uma "habilidade" das minhas que espero não leves a mal. Vinha comentar que já estou melhor e vi o teu post das pinhas e do cheiro de Natal e ontem pensei imenso no que me disseste o que estava a ser tonta de ter os meus outros blogs fechados e resolvi reabri-los, para ficarem ali e se me apetecer escrevo. E hoje quando vi o teu post apeteceu-me responder-te e fi-lo lá no Dark Velvet , porque tu foste uma das pessoas que melhor me "tocou" quando disseste que não pagavam renda. Então dediquei-te de cetra forma aquele post a ti e em forma de resposta ao que me disseste tb sobre o Natal e aos conselhos que me deste OBRIGADO, Espero que não leves a mal não foi com má intenção apenas de grande agradecimento porque tinhas razão tenho pena dos meus blogs ali fechados ... Um beijinho. Desculpa sim? Mas fi-lo com carinho ( o post claro) Boa semana!
omeueudepapel a 9 de Dezembro de 2010 às 11:08
É a minha vez de te abraçar em silêncio... profundamente enternecedor.
Beiijinhos, amiga flor
ónix a 11 de Dezembro de 2010 às 00:54
Porquê comentar quando tu já disseste tudo....
borboletasonhadora a 14 de Dezembro de 2010 às 11:08
Dezembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Histats.com © 2005-2010 Privacy Policy - Terms Of Use - Powered By Histats
últ. comentários
Sim, muito sinceramente, agora as coisas estão bem...
Não lamentes.Não se perdeu grande coisa.Agora muit...
Lamento que tenhas este blogue abandonado...
É muito mais frequente do que parece este tipo de ...
Olá, bem-vinda.Óbvio que temos de ser cuidadosos. ...
Pois, os acidentes acontecem.BFDS
Nunca ninguém pode dizer que não lhe acontece.Todo...
Totalmente de acordo. Não sou mãe, mas entendo que...
Flor, não quis ser intrometida, mas sabendo que es...
Calma Miilay, não se preocupe eu estou bem. Juro.O...
Amiga, será que se desagregou mesmo???Desejo que a...
Momentos...Agarremos os que são bons, os outros......
Na vida nada é eterno ...Até uma boa música ou um ...
Paciente? Eu de facto vou algumas vezes ao médico....
Amigo, és um paciente.Haja pachorra para aturar as...