a alma da flor
24
Ago 10

Regresso ao blog com um assunto triste, como o são todas as notícias que falam de morte.

 

Hoje o dia amanheceu cinzento e chuvoso. A chuva miudinha (costumamos dizer por aqui: “molha-tolos”, porque não merece guarda-chuva, no entanto, sem ele acabamos encharcados) lavou pouco e com toda a certeza deixou o piso muito escorregadio.

 

Todos sabemos que, depois de muito tempo sem chover, as estradas ficam perigosas. É o pó acumulado, mais o óleo derramado e ainda a má visibilidade no limpa pára-brisas, além da névoa que normalmente acompanha estas primeiras chuvas.

Não foi pois com grande espanto que ouvi a notícia do desastre na A-25. Mas foi com pesar e preocupação que ouvi o número de viaturas queimadas e as cinco mortes, entre elas a de uma criança e pelo menos 72 feridos registados e a lamentar.

 

Tomei conhecimento deste desastre em primeira mão pela internet. E é sobre isso mesmo que me apetece falar – os comentários à mesma.

 

Há pessoas (serão pessoas?) que conseguem brincar com a desgraça alheia em assuntos tão sérios como morte ou catástrofe!

Tecem comentários piadéticos (tentativas infelizes). Avançam com palpites. Brinca-se… 

Isto, porque qualquer “desgraçado” pode opinar sobre o assunto enviando observações sobre a notícia, deixando ficar ali o seu registo e passando da notícia propriamente dita a uma mera troca de inconveniências e chalaças.

 

Não é a primeira vez que me deparo com estas análises pessoais.

Bem, não é a primeira vez que me sinto irritada com elas.

Hoje, talvez porque esteja em dia não, deixo aqui o meu desagrado à falta de sensibilidade pela desgraça alheia.

publicado por DyDa/Flordeliz às 00:05
É uma das coisas que me deixa triste e revoltada, não basta pensarmos na dor das pessoas que perderam os entes queridos, como ainda se tem que ler comentários parvos, insultos e outras coisas assim. Fala-se muito porque estão de fora e se um dia acontecer com eles???? O povo Português (algum) gosta de brincar com a desgraça alheia. Pobres de espirito isso sim.
Desculpa a invasão, mas não podia deixar de dar a minha opinião. Lamento profundamente o acidente e mais ainda as vidas que se perderam.

Bjs fofos
blogando-me1 a 24 de Agosto de 2010 às 01:12
Olá seja bem-vinda!
Aqui não há invasão. Há partilha de opiniões. E por isso é um prazer receber a sua que parece estar em sintonia com a minha.
Não acho graça fazer graçolas à desgraça alheia. E mais...não havia necessidade!
DyDa/Flordeliz a 24 de Agosto de 2010 às 17:19
Já tinha reparado nisso, nos tristes comentários que ali deixam. Só me apetece dizer: É TRISTE SER IGNORANTE. Na minha opinião os comentários deviam ser seleccionados, não é qualquer parvalhão se lembrar de comentar o que lhe dê na telha e magoar pessoas inocentes. Enfim, já ficamos tristes com a noticia depois vemos os comentários e é indiscritivel.
borboletasonhadora a 24 de Agosto de 2010 às 10:48
Qual indiscritivel?
Se eu pudesse limpava grande parte à chapada por cada palavra torcida e de falta de gosto.
DyDa/Flordeliz a 24 de Agosto de 2010 às 17:20
Flor, quando ouvi as notícias, tive que sair da sala. Incomoda-me tanto que chego a ficar indisposta... Os comentários, é sempre assim, só que agora foram estes amanhã podemos ser nós... se as pessoas pensassem um pouco... mas pensar dá trabalho! Soube já hoje que o nº de mortos aumentou, o que lamento. Que Deus deia coragem às famílias.
Beijinhos amiiga
Rosinda a 24 de Agosto de 2010 às 11:33
este é um assunto mesmo bastante triste amiga e que nao vale a pena lembrarmo-nos...... ontem quando vi esta noticia quase me apeteceu chorar, alias, tudo o que inclui mortes assim deste genero me poem triste.....

desejo-te uma bela semana e ja agora porquê tanto tempo desaparecida??? lol nao tenho nada a ver com isso, se calhar tens falta de temas como eu.... lol

beijinhos fofinhos!! fica bem!!
gatinhafofa a 24 de Agosto de 2010 às 15:07
As imagens eram mesmo dramáticas. Conseguimos colocar-nos no lugar deles ou mesmo dos familiares.
Afinal todos andamos na estrada. E todos estamos sujeitos a ser apanhados numa situação identica.
Beijinho Sandra.
DyDa/Flordeliz a 24 de Agosto de 2010 às 17:22
Por vezes lei comentários de "idiotas" sobre as desgraças e fico a pensar" como se sentiria a família ou amigos se lessem estas porcarias".
Quem escreve se se colocasse no lugar da família não iria ter coragem de despejar graçolas sobre essas desgraças.
Beijinhos
geriatriaaminhavida a 24 de Agosto de 2010 às 18:03
Os comentários são tão idiotas que me tiram do sério.
Quem comenta ou não tem senso, ou tem um parafuso desapertado. Tantas são as palermices...
Beijinho e umas excelentes férias.
Sol pelo menos...ainda anda por cá e bem quente.
DyDa/Flordeliz a 30 de Agosto de 2010 às 00:03
Olá Dida

Já tinha reparado que também te ausentaste por uns tempos e reapareceste agora, mas dorida com este grave acidente. Como eu te compreendo, nem é bom imaginar o sofrimento dos familiares e das próprias pessoas envolvidas em tal acidente, por isso os comentários parvos nos são tão ofensivos. Olha Dida, é nestas alturas que sempre caio em mim, e penso, que isto sim, é que são desgraças e sofrimento! Quantas vezes lamentamos a nossa sorte e sem razão, afinal?
Um beijinho.
Milu a 26 de Agosto de 2010 às 23:34
Milú olha cá para mim agora
Estes dias tenho pensado em ti. Tenho intenção de te visitar e... carapau que me lembro já deitada e prometo amanhã vais procurar o blog da Miluzinha...
Fico feliz por "te encontrar".
Um beijinho
DyDa/Flordeliz a 26 de Agosto de 2010 às 23:46
Já lá vão uns dias e só agora li o teu post, no entanto a memória destes momentos trágicos permanecem. Dos comentários jocosos e semjeito, esses quero esquecer, sem contudo lamentar a parvoíce de algumas pessoas que nem parecem sê-lo.
O Sol voltou e esperemos que desatres destes não se repitam.
Uma boa semana para ti.

Beijinhos
Existe um Olhar a 29 de Agosto de 2010 às 22:18
Escrever para mim é por impulso.

Estava zangada e por isso aqui deixei um pouco do meu desagrado, além do lamento pela tragédia e vidas perdidas.
Quanto ao calor...
Hoje foi dia de comemorar o aniversário do meu pai que já leva 83 Primaveras.
Não é nada agradável estar sentada à volta de uma mesa com pingos a escorrer pelas costas. Às vezes parecem moscas a brincar ao escorrega...arre!
Lamentos à parte (embora não tenha entendido para quê um ar condicionado na parede quando está desligado?!).
O Verão está aí para durar (parece). Sorte de quem vai começar as férias, as minhas, já terminaram.
Beijinho
DyDa/Flordeliz a 30 de Agosto de 2010 às 00:01
Agosto 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
25
26
27
28
29
30
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Histats.com © 2005-2010 Privacy Policy - Terms Of Use - Powered By Histats
últ. comentários
Sim, muito sinceramente, agora as coisas estão bem...
Não lamentes.Não se perdeu grande coisa.Agora muit...
Lamento que tenhas este blogue abandonado...
É muito mais frequente do que parece este tipo de ...
Olá, bem-vinda.Óbvio que temos de ser cuidadosos. ...
Pois, os acidentes acontecem.BFDS
Nunca ninguém pode dizer que não lhe acontece.Todo...
Totalmente de acordo. Não sou mãe, mas entendo que...
Flor, não quis ser intrometida, mas sabendo que es...
Calma Miilay, não se preocupe eu estou bem. Juro.O...
Amiga, será que se desagregou mesmo???Desejo que a...
Momentos...Agarremos os que são bons, os outros......
Na vida nada é eterno ...Até uma boa música ou um ...
Paciente? Eu de facto vou algumas vezes ao médico....
Amigo, és um paciente.Haja pachorra para aturar as...