a alma da flor
24
Set 09

 

Atrasada!

Constatei apreensiva que o homem da perna curta continuava a levar-me vantagem.

Durante toda a vida tentei ludibriar este velho trôpego e ele sempre me venceu com a sua passada ritmada, enquanto eu me esforçava na corrida para o ultrapassar nas horas.
Hoje, terei mais uma vez de apressar e aligeirar os gestos para me apresentar na cerimónia final. Afinal, preparada e organizada em minha memória!
Com gestos seguros escolhi o meu melhor fato. Aquele que guardo para ocasiões especiais e que sinto me cai bem. Camisa de cambraia num branco imaculado ajustada nas costas moldando-me a cintura, calça e casaco azul-turquesa e sapato de salto alto a terminar a indumentária. Uma generosa borrifadela de perfume para recordar os aromas da natureza e, por fim, um último olhar de despedida ao reflexo do espelho. Não houve tempo para mais e também nada me prendeu ou chamou a atenção.
Desci acelerada as escadas e de memória tracei o caminho mais curto.
Errei!
O tempo de noite esteve chuvoso e o caminho havia sido cortado.
Retrocedi. Inverti a marcha e optei por um outro atalho fugindo à estrada principal. Também não foi desta que acertei na escolha. O carro desta vez ficou atolado na lama.
Assustei-me!
Ia chegar atrasada de novo. E desta vez não saberia como explicar a falta do meu corpo. Nem como faria para entrar na igreja antes de as pessoas chegarem. Como convencer o velho da perna curta a deixar-me, por uma vez, chegar à sua frente?
Pensei em ligar e avisar o atraso. Mas como faz um defunto um aviso sobre o seu atraso? Que desculpa poderia usar?
E foi desta aflição e deste enigma que, de repente, despertei e que ficou, pelo menos por agora, sem resposta.
O relógio já vai adiantado. Desta vez corro pela casa ao encontro de mais um dia na minha vida!....

 

publicado por DyDa/Flordeliz às 00:27


Há coisas às que até convém chegar atrasado..

Belo texto amiga

Jorge
Jorge Soares a 24 de Setembro de 2009 às 09:13
Sou uma atrasada até a responder....
Beijoka
DyDa/Flordeliz a 2 de Outubro de 2009 às 15:45
Olá flordeliz!


Chiça, que me assustaste, mulher! Quando li defunto, até estremeci, depois percebi que era um sonho, ou melhor, um bem desconfortável pesadelo. Contudo, os sonhos com a morte, seja de quem for, não devem de ser traduzidos à letra. Tenho lido frequentemente, que parecem querer significar, que algures na nossa psico, estamos no limiar de uma fase em que serão resolvidos determinados conflitos de cariz psicológico, por isso os estamos a enterrar nas profundezas do nosso sub-consciente.

Por vezes até gosto de ter estes sonhos, chego a pensar: Lá enterrei eu uma merda qualquer que se me andava a enrolar nas ideias. Talvez seja sugestão, mas se pensar bem, até sinto que foi mesmo isso.
Um grande beijinho.
Milu a 24 de Setembro de 2009 às 12:12
ahahahah
Milú começaste a ler e pensaste: Minha santinha a mulher morreu?!
E mais grave ainda: Ela fala depois de morta? ahahahaah
Beijoka e fim de semana feliz.

DyDa/Flordeliz a 2 de Outubro de 2009 às 15:49
Olá
Lindo texto!
Nada é por acaso, os atrasos que acontecem nas nossas vidas são por vezes providenciais, evitam males maiores que espreitam na esquina.
Beijos
Manu
Existe um Olhar a 30 de Setembro de 2009 às 00:44
Olá Manu!
Digamos que acordar foi a melhor coisa que me poderia ter acontecido
Foi bom ter recebido você no meu cantinho.
Para si uma com votos de fim-de-semana excelente.
DyDa/Flordeliz a 2 de Outubro de 2009 às 12:30
http://intervaloparacafe.blogs.sapo.pt está a tornar-se uma referência na interactividade dos blogues dá uma espreitadela e inscreve-te para postar na barra lateral.
Esperamos por ti.
Armando Correia a 1 de Outubro de 2009 às 21:05
Setembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
16
18
19
20
22
23
25
26
27
28
29
30
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Histats.com © 2005-2010 Privacy Policy - Terms Of Use - Powered By Histats
últ. comentários
Sim, muito sinceramente, agora as coisas estão bem...
Não lamentes.Não se perdeu grande coisa.Agora muit...
Lamento que tenhas este blogue abandonado...
É muito mais frequente do que parece este tipo de ...
Olá, bem-vinda.Óbvio que temos de ser cuidadosos. ...
Pois, os acidentes acontecem.BFDS
Nunca ninguém pode dizer que não lhe acontece.Todo...
Totalmente de acordo. Não sou mãe, mas entendo que...
Flor, não quis ser intrometida, mas sabendo que es...
Calma Miilay, não se preocupe eu estou bem. Juro.O...
Amiga, será que se desagregou mesmo???Desejo que a...
Momentos...Agarremos os que são bons, os outros......
Na vida nada é eterno ...Até uma boa música ou um ...
Paciente? Eu de facto vou algumas vezes ao médico....
Amigo, és um paciente.Haja pachorra para aturar as...